Foto

Agricultura

Avenida dos Imigrantes passa por revitalização

19/12/2018 09:30

A Avenida dos Imigrantes recebe desde o início do mês, o plantio de 278 mudas de árvores. Nesta quarta-feira (19), as últimas 35 mudas serão plantadas. O projeto de revitalização do local é executado em parceria entre as secretarias de Agricultura e Meio Ambiente, Planejamento e Urbanismo e de Obras, e do Departamento de Turismo.

O projeto de revitalização da Avenida dos Imigrantes foi elaborado pensando em situações como a fiação elétrica, onde são utilizadas espécies de pequeno porte. “A Avenida dos Imigrantes recebe diariamente muitas pessoas que vão caminhar, passear com seus bichinhos de estimação e andar de bicicleta. Além de ser uma via de acesso ao município. Por isso, pensamos neste projeto de revitalização para dar mais vida ao local. O plantio de algumas espécies surpreenderão pela beleza reveladora em alguns anos”, comentou o prefeito Magno Bollmann.

Espécies - As mudas foram plantadas com espaçamento médio de 6 metros, com alturas de 80cm à 1,70m. Entre as espécies estão a escova-de-garrafa, que apresenta flores vermelhas muito visitadas por beija-flores na primavera.

A camélia foi plantada em maior quantidade devido à diferenciação de flores formadas no outrono-inverno, sendo algumas dobradas de rosa e branco e outras apenas vermelhas e outras rosa.

O manacá-da-serra é nativa do Brasil e floresce no verão, com flores de tonalidades entre o roxo e branco. O manacá-de-cheiro também é nativo do Brasil, cresce de 2 a 3 metros. Primeiro abrem as flores azul-violeta e depois ficam brancas, formadas na primavera-verão. A extremosa é originária da Índia, cresce até 4 metros, sendo um dos arbustos mais cultivados em paisagismo no sul do Brasil. A primavera ou três-marias é de origem tropical, quando conduzida por ramagens pode ser utilizada como trepadeira, mas sua formação é arbustiva. Estas apresentam espinhos nos ramos, foram plantadas duas variedades, sendo lilás e laranja.

A aleluia ou pau-de-cachimbo foi produzido no viveiro do município. É uma planta nativa do Brasil, cresce até 4 metros e floresce na primavera-verão. As vagens são apreciadas por pássaros, já as folhas são apreciadas para deposição de ovos de borboletas amarelas.

Programação - Em janeiro inicia o plantio de seis núcleos de jardinagem distribuídos ao longo do eixo central da Avenida dos Imigrantes. Serão plantadas 53 azaléias, 84 strelitzias, 360 agapantus e 162 barbas-de-serpente.

Viviane de Vargas Miranda

Assessoria de Imprensa

Prefeitura de São Bento do Sul     

Contatos: imprensa@saobentodosul.sc.gov.br | 3631.6132 | 3631.6114 | 3631.6154